Apocalipse 6.3-4 - O 2° Selo - O Cavalo Vermelho: Guerra


Por Ray Summers 

Apocalipse 6.3,4
3 - Quando abriu o segundo selo, ouvi o segundo ser vivente dizendo: Vem!
4 - E saiu outro cavalo, vermelho; e ao seu cavaleiro, foi-lhe dado tirar a paz da terra para que os homens se matassem uns aos outros; também lhe foi dada uma grande espada.

Quando o Cordeiro abriu o segundo selo, João ouviu a segunda criatura vivente dizer — "Vem". A chamado dela entrou em cena um homem sobre um cavalo vermelho. Este bem mais pomposo. 

Nada disse. Apenas cavalgou, e permitiu que a cor do seu cavalo o identificasse. Cavalo vermelho era o seu, e foi-lhe concedido "tirar a paz da terra" e levar os homens a se matarem uns aos outros. 

Levava uma grande espada que, com os outros mais detalhes, nos leva a crer seja ele o símbolo da Guerra. Sim, a guerra é o meio sanguinolento de levar avante as conquistas, e assim era natural que este cavalo aparecesse logo após o branco.

ÍNDICE

Andrei Barros

linkedin youtube facebook Andrei é editor do blog Semeando Vida. Ele é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil com cerca de 20 anos de experiência. Em 1998 foi missionário em Portugal. Em 2003, formou-se em teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul e foi ordenado pastor no ano seguinte. Em 2015, obteve a licenciatura em História. Tem MBA em Gestão de Pessoas e Liderança Atualmente estuda Psicologia e faz MBA em Gestão de Projetos, além de pós-graduação em Comunicação e Relacionamento Interpessoal.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Facebook