Em poucas palavras - Salmo 51.12


“Dá-me novamente a alegria da tua salvação 
e conserva em mim o desejo de ser obediente” – BLH. 

É comum vermos, em muitos momentos, pessoas que ainda jovens, renegam as instruções e orientações, isto é, os ensinos que receberam para a sua formação. Talvez a incredulidade lhes pareça melhor do que a fé.

E é isto que geralmente acontece, porque, conforme a Bíblia, “nada há mais enganoso que o coração do ser humano”. É como se o coração desta pessoa [homem ou mulher] fosse preparado para aceitar a incredulidade como fé.

Com certeza algumas pessoas que consideram muito influenciaram o seu modo de agir e pensar; então, por algum tempo, vêem toda a sua educação sem sentido.

Alguém já expressou que “a pouca instrução pode afastar o homem de Deus, mas o verdadeiro conhecimento leva-o de volta”. Alguns dos cristãos e cristãs mais firmes que pude conhecer são pessoas que, em certo momento da vida, viveram períodos de questionamentos terríveis em sua vida, fosse com relação a Palavra de Deus, fosse com alguma pessoa da Trindade, ou alguma outra realidade.

Mas, como continuaram a confiar e a amar Deus e sua Palavra vivenciaram a maravilhosa realidade dos filhos e filhas de um gracioso Pai celestial.

Oração 
Deus de graça e de toda consolação lembro-me dos tempos em que vivi na incredulidade. Peço-te, Senhor, que essa tão maravilhosa graça que inundou meu coração e vida possa também alcançar os que hoje se encontram na dúvida.

No poderoso e amoroso nome de Jesus. Amém!

-----------------------------------------
Gilberto Bueno Filho, é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil. Formado em Teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul em 2001. Pós-Graduação em Ética, Cidadania e Subjetividade pela Escola Superior de Teologia em 2007. É fundador e editor do blog familiafariabueno.
Tecnologia do Blogger.