Salmo 61.2 em poucas palavras


“No meu desespero, longe do meu lar, eu te chamo pedindo ajuda. Põe-me em segurança numa rocha bem alta” – BLH.

Você ter se tornado um cristão não quer dizer que viverá num “céu”, num mar de rosas, toda a vida. O salmista desceu aos lugares mais profundos e tenebrosos; o mesmo aconteceu com o apóstolo Paulo e com tantos outros filhos e filhas do Pai celestial.

Em meio a todas as circunstâncias, porém, a graça, a paz, a segurança e a alegria de Deus estarão presentes em nossa vida. As lágrimas correrão pela face, as aflições e as tentações virão.

Mas há uma nova dimensão, uma nova direção e um novo poder em sua vida, que o ajudarão a enfrentar as mais diversas situações em que você se encontrar.

Oração:
Senhor, querido Pai celestial, Davi deixou o exemplo de confiança em ti mesmo peregrinando pelos vales escuros e sombrios da vida. Que eu também possa te buscar e louvar confiantemente. Em Jesus. Amém.

-----------------------------------------
Gilberto Bueno Filho, é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil. Formado em Teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul em 2001. Pós-Graduação em Ética, Cidadania e Subjetividade pela Escola Superior de Teologia em 2007. É fundador e editor do blog familiafariabueno.
Tecnologia do Blogger.