Demônios: A origem dos demônios e de Satanás (08)



Nas reflexões passadas falamos sobre os anjos. Esse assunto nos remete a Satanás e os demônios, uma vez que esses também são anjos - contudo, são maus. 

Wayne Grudem assim os define: “Demônios são anjos maus que pecaram contra Deus e hoje continuamente praticam o mal no mundo”. Diante disso, a partir de hoje abordaremos esse assunto. Vejamos algumas questões introdutórias:


1. Quanto à origem. Deus criou o mundo e viu que tudo era bom (Gn 1.31). Mas, em algum momento entre os eventos de Gn 1.31 e Gn 3.1, pode ter havido uma rebelião angélica, na qual muitos desses seres (criados por Deus) se rebelaram contra o Senhor. Tanto Pedro quanto Judas nos falam sobre o abandono do estado original de certos anjos (2 Pe 2.4; Jd 6). Além disso, em Is 14 há uma provável referência à queda de Satanás.

2. Quanto a Satanás. O nome “Satanás”, referente ao chefe dos demônios, significa “adversário”. Ele é também chamado de “diabo” (Mt 4.1), “serpente” (Gn 3.1), “belzebu” (Mt 10.25), “príncipe deste mundo” (Jo 12.31), “príncipe da potestade do ar” (Ef 2.2), e “maligno” (Mt 13.19). 

O livro de Jó o descreve como inimigo de Deus, que impõe terríveis sofrimentos a Jó (Jó 1.7; 2.7). Zacarias, por sua vez, o descreve como opositor do Senhor (Zc 3.1). Davi, por seu turno, foi induzido por Satanás a realizar o censo (1 Cr 21.1). Em suma, de Satanás procede o mal sob muitas formas.

3. Satanás originou o pecado. Satanás pecou antes de qualquer ser humano. Isso é evidente, uma vez que ele, na forma de serpente, tentou a Eva (Gn 3.1-6; 2 Cor 11.3). O Novo Testamento informa que ele foi “homicida desde o princípio” e “pai da mentira” (Jo 8.44); é aquele que “vive pecando desde o princípio” (1 Jo 3.8). 

A expressão “desde o princípio” comunica a idéia de que Satanás pecou desde a fase inicial da história do mundo. Enfim, conforme salienta Grudem, “o Diabo se caracteriza por ter dado origem ao pecado e por tentar os outros ao pecado”.

Conclusão. 
Não há assunto que a Bíblia trata e que não mereça nossa atenção. Isso se aplica também ao seu ensino sobre Satanás e os demônios. De acordo com ela, eles são anjos criados por Deus, mas que se rebelaram. 

Além disso, Satanás, o chefe dos demônios, opera muitos males contra a Criação. Soma-se a isso o fato de ser ele a origem de todo o pecado. Que Deus permita que não desprezemos tais ensinos.
Carlos Eduardo Pereira de Souza  é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil. Formou-se em Teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul em 2003 e pela Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2012. Mestrado em Divindade com concentração no Novo Testamento pelo Centro de Pós Graduação Andrew Jumper em 2013. Pós-graduando em docência do ensino superior, pela Universidade Paulista.

Tecnologia do Blogger.