Tempos difíceis - A avareza

Charge vida Rabix


"Sabe, porém, isto: nos últimos dias, sobrevirão tempos difíceis, pois os homens serão... avarentos..." - 2 Timóteo 3.1,2

Por que as pessoas correm atrás de dinheiro? Por que não se conformam com o que têm e sempre querem mais? A resposta é simples. Porque pensam que a medida de sua vida depende da quantidade de dinheiro que possuem.


Quando pensamos em avareza, pensamos naquela pessoa que amontoa e guarda dinheiro. A Disney criou um personagem, do qual muitas crianças acompanham em história em quadrinhos: O Tio Patinhas. Ele representa o capitalismo e o amor ao dinheiro. Pão duro, não gasta com nada, tem uma Caixa Forte e toma banho diariamente em suas notas e moedas - como se fosse algo limpo e purificasse seu corpo e quem sabe sua vida.

A palavra que Paulo usa aqui tem exatamente esse sentido. É a paixão, a idolatria do dinheiro. Há hoje uma mentalidade de que se deve ganhar muito para poder gastar em todo tipo de luxos e prazeres. Quando essa mentalidade não é exclusivamente de alguns indivíduos, mas de uma sociedade inteira, Paulo avisa, são tempos perigosos, tempos difíceis.

Diz uma ilustração que um homem quando morreu exigiu que cada membro que lhe devia colocasse no seu caixão o valor em dinheiro. No dia do velório, havia uma grande quantia num envelope, nas mãos do defunto. Quando um filho abriu para colocar a sua parte, teve uma idéia melhor. Fez um cheque para o defunto descontar e ficou com o dinheiro.

A Bíblia afirma que o amor ao dinheiro é idolatria. E idolatria é adoração a ídolos. É quando a pessoa faz do dinheiro um deus para ela. O dinheiro pode ser usado como ferramenta para promover o bem. Mas ele pode se transformar facilmente no mau de todas as coisas se for colocado no centro da vida. Afinal, não são poucos que nesse desejo inflamado destruíram não apenas suas vidas, suas famílias como as pessoas ao redor.

"Porque o amor ao dinheiro é raiz de todos os males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores" - 1Timóteo 6:10

"Porque bem sabeis isto: que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus." - Efésios 5:5

--------------------------------------------------
Andrei de Almeida Barros é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil. Em 1998 trabalhou como missionário em Portugal. Formou-se em teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul em 2003 e ordenado pastor em 2004.
É fundador e editor do site www.semeandovida.org
Tecnologia do Blogger.