Gênesis 15 - A promessa de Deus de um herdeiro para Abraão, a aliança de Deus com ele e a visão do futuro de seus descendentes

1. Resumo:
No capítulo 15 de Gênesis, Deus faz uma aliança com Abrão (mais tarde chamado de Abraão). 

O capítulo começa com Deus aparecendo a Abrão em uma visão e dizendo-lhe para não ter medo, pois Ele seria seu escudo e sua grande recompensa. 

Abrão expressa sua preocupação por não ter filhos e, consequentemente, um herdeiro para continuar sua linhagem. 

Deus tranquiliza Abrão, prometendo-lhe que seu herdeiro não seria um servo, mas alguém nascido de seu próprio corpo. 

Para confirmar sua promessa, Deus leva Abrão para fora e diz-lhe para olhar para o céu e contar as estrelas, pois sua descendência seria numerosa como as estrelas. 

Abrão acredita em Deus e isso lhe é creditado como justiça.

Em seguida, Deus revela a Abrão que seus descendentes seriam estrangeiros em uma terra estrangeira e seriam escravizados e oprimidos por um período de 400 anos. 

No entanto, Deus também promete que julgará a nação que os escravizará e que, após esse tempo, Abrão e sua descendência sairão com grande riqueza. 

Deus confirma sua promessa de dar a terra de Canaã a Abrão e pede-lhe que prepare um ritual de aliança. 

Abrão traz vários animais, os divide ao meio e coloca as metades uma em frente à outra. Ele permanece ali, afastando as aves de rapina até o pôr do sol.

Então, Abrão tem uma experiência sobrenatural em que uma tocha ardente e um forno fumegante passam por entre os animais divididos. 

Nesse momento, Deus faz uma aliança com Abrão, garantindo-lhe a terra de Canaã como uma herança eterna para sua descendência. 

2. Contexto Histórico e Cultural:
Naquela época, a prática de fazer alianças era comum e era uma forma de estabelecer relações de confiança e proteção entre diferentes grupos. 

A cultura nômade também era predominante, e os pastores como Abrão eram uma parte importante dessa sociedade.

A terra de Canaã, mencionada no capítulo, é uma região que abrange a atual Palestina e partes de Israel, Líbano e Jordânia. 

Canaã era habitada por várias tribos e era uma região fértil e estrategicamente importante por causa de sua localização geográfica.

Do ponto de vista geográfico, essas regiões representavam áreas de grande importância econômica, estratégica e cultural na antiguidade. Elas abrangiam terras férteis para a agricultura, rotas comerciais e cidades prósperas. 

Portanto, a promessa de Deus de dar essa terra a Abrão e seus descendentes tinha implicações significativas para sua prosperidade e influência naquela época.

Além disso, a menção dessas regiões geográficas também estabelece o contexto histórico-cultural em que o povo de Israel se desenvolveria posteriormente. 

Essas áreas se tornariam o lar dos israelitas, e a conquista e posse da terra de Canaã seriam uma parte central da narrativa do Êxodo e da história posterior de Israel registrada na Bíblia.

Dessa forma, a referência às regiões geográficas no final do capítulo 15 de Gênesis enfatiza a amplitude das promessas de Deus a Abrão, demonstrando que sua descendência teria uma influência significativa em uma extensa área geográfica.

3. Temas Principais:
- Fé e confiança em Deus: A fé de Abrão é destacada nesse capítulo. Mesmo diante das circunstâncias aparentemente impossíveis, ele acredita nas promessas de Deus e isso lhe é creditado como justiça. A fé é um tema central na relação entre Deus e a humanidade.

- Promessa e aliança: Deus faz uma aliança com Abrão, prometendo-lhe uma descendência numerosa e a terra de Canaã como herança. Essa aliança é um compromisso sagrado que traz bênçãos e obrigações para ambas as partes.

- Providência e soberania de Deus: Deus revela eventos futuros para Abrão, incluindo a escravidão e a libertação de seus descendentes. Isso demonstra a soberania e o cuidado de Deus sobre a história e o destino de seu povo.

- Ritual de aliança: O capítulo descreve o ritual de aliança entre Deus e Abrão, que envolve dividir animais e passar pelo meio das metades. Esse ritual simboliza o compromisso inquebrável de Deus em cumprir suas promessas.

4. Ligação com o Novo Testamento e Jesus Cristo:
Justificação pela Fé: Em Gênesis 15:6, a fé de Abrão é creditada como justiça, um conceito fundamental retomado no Novo Testamento. 

Paulo, em Romanos 4:3 e Gálatas 3:6, cita este versículo para ensinar que a justificação diante de Deus vem pela fé, não pelas obras, uma doutrina central da salvação através de Jesus Cristo.

Jesus como Cumprimento da Promessa: A promessa feita a Abrão de uma grande descendência, que abençoaria todas as nações (v. 5), encontra seu cumprimento em Jesus. Galatas 3:16 identifica Cristo como a semente prometida a Abrão, através da qual todas as nações são abençoadas.

A Nova Aliança em Cristo: A aliança de Deus com Abrão, simbolizada pelo fogareiro e a tocha passando entre os animais divididos (v. 17-18), prefigura a nova aliança estabelecida através do sacrifício de Cristo. Esta nova aliança é mencionada em Lucas 22:20, quando Jesus institui a Ceia do Senhor.

5. Aplicação Prática:
Confiando nas Promessas de Deus: Assim como Abrão confiou nas promessas de Deus apesar das circunstâncias desfavoráveis, somos chamados a confiar em Deus, mesmo quando as promessas parecem distantes. 

Isso pode se aplicar a situações de espera e incerteza em nossas vidas, incentivando a paciência e a fé.

Justificação pela Fé: A fé de Abrão, contada como justiça, é um modelo para a nossa própria relação com Deus. Somos lembrados de que nossa relação com Deus não se baseia em nossos méritos ou obras, mas na fé em Jesus Cristo e em seu sacrifício redentor.

Entendendo o Plano Maior de Deus: A visão dada a Abrão sobre o futuro de seus descendentes nos ensina que Deus tem um plano maior, que muitas vezes não compreendemos completamente. 

Isso pode nos ajudar a lidar com as adversidades, entendendo que Deus pode usar até mesmo situações difíceis para seus propósitos soberanos.

6. Versículo-chave (NVI):
"Gênesis 15:6 - Abrão creu no Senhor, e isso lhe foi creditado como justiça."

7. Sugestão de Esboços:

Esboço Temático: A Jornada da Fé e da Promessa
  1. A Promessa de Proteção e Recompensa (v. 1)
  2. A Dúvida de Abrão e a Promessa de um Herdeiro (v. 2-5)
  3. A Justificação pela Fé (v. 6)
  4. A Promessa da Terra (v. 7-21)

Esboço Expositivo: Etapas da Aliança Divina com Abrão
  1. A Visão e a Garantia Divina (v. 1-5)
  2. O Diálogo Inicial e a Promessa de Descendência (v. 1-5)
  3. A Fé de Abrão e sua Justificação (v. 6)
  4. Abrão Crê e Deus o Considera Justo (v. 6)
  5. A Certificação da Promessa (v. 7-21)
  6. A Pergunta de Abrão e a Resposta de Deus (v. 7-21)

Esboço Criativo: Símbolos da Aliança
  1. As Estrelas do Céu: O Incontável Legado (v. 5)
  2. O Sono Profundo: As Trevas e a Revelação (v. 12-16)
  3. A Tocha e o Forno: A Passagem e a Purificação (v. 17-21)

Perguntas
  1. O que o Senhor disse a Abrão em uma visão após os eventos anteriores? (Gênesis 15:1)
  2. Qual foi a preocupação expressa por Abrão ao Senhor? (Gênesis 15:2-3)
  3. Como o Senhor respondeu à preocupação de Abrão sobre um herdeiro? (Gênesis 15:4)
  4. O que o Senhor mostrou a Abrão para ilustrar sua descendência futura? (Gênesis 15:5)
  5. Como Abrão reagiu à promessa do Senhor? (Gênesis 15:6)
  6. O que o Senhor lembrou a Abrão sobre Sua promessa de lhe dar a terra? (Gênesis 15:7)
  7. Como Abrão pediu um sinal de que possuiria a terra? (Gênesis 15:8)
  8. Quais animais o Senhor pediu que Abrão trouxesse para Ele? (Gênesis 15:9)
  9. O que Abrão fez com os animais que trouxe? (Gênesis 15:10)
  10. Como Abrão lidou com as aves de rapina que desciam sobre os cadáveres dos animais? (Gênesis 15:11)
  11. O que aconteceu com Abrão ao pôr-do-sol, depois de preparar os animais? (Gênesis 15:12)
  12. Qual foi a profecia dada ao Abrão sobre seus descendentes? (Gênesis 15:13-14)
  13. O que foi dito a Abrão sobre sua própria morte? (Gênesis 15:15)
  14. Quando os descendentes de Abrão retornariam à terra prometida, e por quê? (Gênesis 15:16)
  15. O que apareceu entre os pedaços dos animais depois do pôr-do-sol? (Gênesis 15:17)
  16. Que aliança o Senhor fez com Abrão? (Gênesis 15:18)
  17. Quais povos habitavam a terra prometida aos descendentes de Abrão? (Gênesis 15:19-21)
  18. Como a fé de Abrão foi contada como justiça? (Gênesis 15:6)
  19. Qual é a importância do sono profundo que caiu sobre Abrão? (Gênesis 15:12)
  20. Como a profecia sobre a escravidão dos descendentes de Abrão se relaciona com o Êxodo? (Gênesis 15:13-14)
  21. Qual é o significado do fogareiro esfumaçante e da tocha acesa passando entre os animais? (Gênesis 15:17)
  22. Qual era a extensão da terra prometida na aliança com Abrão? (Gênesis 15:18)
  23. Como a aliança com Abrão estabelece o cenário para o futuro do povo de Israel? (Gênesis 15:18-21)
  24. O que a visão de Abrão revela sobre o caráter de Deus? (Gênesis 15:1-21)
  25. Como a aliança de Deus com Abrão difere de outros pactos na Bíblia? (Gênesis 15:9-21)
  26. De que maneira a promessa de descendência numerosa impacta o entendimento de Abrão sobre a promessa de Deus? (Gênesis 15:5)
  27. Qual é o significado da justiça atribuída a Abrão por sua fé? (Gênesis 15:6)
  28. Por que Deus pediu sacrifícios específicos de Abrão para a aliança? (Gênesis 15:9-10)
  29. Qual é a relação entre a promessa de Deus a Abrão e a futura conquista de Canaã? (Gênesis 15:18-21)
  30. Como a aliança feita em Gênesis 15 se conecta com a história maior da redenção na Bíblia? (Gênesis 15:1-21)
  31. O que a resposta de Abrão ao Senhor indica sobre sua relação com Deus? (Gênesis 15:2-3)
  32. Qual é o significado teológico do pedido de Abrão por um sinal? (Gênesis 15:8)
  33. Como a visão profética dada a Abrão sobre seus descendentes se cumpriu historicamente? (Gênesis 15:13-16)
  34. De que maneira a promessa de Deus a Abrão sobre sua descendência afeta a narrativa bíblica? (Gênesis 15:5)
  35. Como a cerimônia do sacrifício simboliza a aliança entre Deus e Abrão? (Gênesis 15:9-17)
  36. Qual é o significado da expressão "creditado como justiça" em relação à fé de Abrão? (Gênesis 15:6)
  37. Como o relato de Gênesis 15 mostra a soberania de Deus nas promessas feitas a Abrão? (Gênesis 15:1-21)
  38. Qual é o papel dos sacrifícios na aliança entre Deus e Abrão? (Gênesis 15:9-10)
  39. Como as ações de Abrão durante a preparação do sacrifício demonstram sua obediência a Deus? (Gênesis 15:10-11)
  40. Qual é a relevância da terra prometida para a história do povo de Israel? (Gênesis 15:18-21)
  41. Como a promessa de Deus sobre a escravidão e libertação dos descendentes de Abrão prenuncia eventos futuros? (Gênesis 15:13-14)
  42. O que a aparição do fogareiro esfumaçante e da tocha acesa simbolizam na aliança com Abrão? (Gênesis 15:17)
  43. Qual é a conexão entre a promessa de Deus a Abrão e o conceito de fé na tradição judaico-cristã? (Gênesis 15:6)
  44. De que maneira a visão de Abrão sobre a escravidão de seus descendentes se relaciona com o tema da redenção na Bíblia? (Gênesis 15:13-14)
  45. Como a promessa de herança a Abrão se conecta com sua jornada desde Ur dos caldeus? (Gênesis 15:7)
  46. De que forma a fé de Abrão serve como modelo para os crentes segundo a narrativa bíblica? (Gênesis 15:6)
  47. Qual é a importância do papel de Abrão como patriarca na narrativa bíblica? (Gênesis 15:1-21)
  48. Como a aliança de Deus com Abrão em Gênesis 15 prenuncia o estabelecimento da nação de Israel? (Gênesis 15:18-21)
  49. De que maneira a visão e a promessa feitas a Abrão em Gênesis 15 influenciam a compreensão da fé e da obediência? (Gênesis 15:1-6)
  50. Qual é o significado da afirmação de Deus sobre ser o escudo de Abrão? (Gênesis 15:1)

Gênesis 01
A criação do mundo

Gênesis 02

Gênesis 03

Gênesis 04

Gênesis 05

Gênesis 06

Gênesis 07

Gênesis 08

Gênesis 09

Gênesis 10

Gênesis 11

Gênesis 12

Gênesis 13

Gênesis 14

Gênesis 15

Genesis 16

Gênesis 17

Gênesis 18

Gênesis 19

Gênesis 20

Gênesis 21

Gênesis 22

Gênesis 23 

Gênesis 24

Gênesis 25

Gênesis 26

Gênesis 27

Gênesis 28

Gênesis 29

Gênesis 30

Gênesis 31

Gênesis 32

Gênesis 33

Gênesis 34

Gênesis 35



Gênesis 38

Gênesis 39

Gênesis 40 

Gênesis 41

Gênesis 42



Gênesis 48

Gênesis 49

Gênesis 50

Semeando Vida

Profundidade Teológica e Orientação Espiritual para Líderes e Estudiosos da Fé

Postar um comentário

O autor reserva o direito de publicar apenas os comentários que julgar relevantes e respeitosos.

Postagem Anterior Próxima Postagem
Ajuste a fonte: