Aproveite as oportunidades


Você já perdeu alguma grande oportunidade? Como você se sentiu? Geralmente nos sentimos frustrados e impotentes. Afinal, não tem como voltar atrás!

Na Bíblia temos muitas histórias e fatos que mostram como oportunidades excelentes foram simplesmente ignoradas.

O jovem rico (Lucas 18.23) esteve frente a frente com Jesus. Poderia ser seu discípulo. Mas perdeu oportunidade porque preferiu servir as suas riquezas. Será que elas foram realmente proveitosas para ele? As riquezas, que ele tanto lutou para guardar e cuidar, onde estarão hoje? Soterradas nos escombros da história. 

Na Parábola das Dez Virgens  (Mateus 25.10), vemos que cinco delas dormiram enquanto suas lâmpadas estavam acesas. Por causa disso acabou-se o azeite e elas não tinham reservas. Ao final, perderam a oportunidade de entrar na festa do noivo, ficaram do lado de fora.

Quando Jesus estava orando no Jardim do Getsêmani (Mateus 26.40), naqueles que seriam seus últimos momentos, os discípulos perderam a oportunidade de estar junto com o seu Senhor. Ao invés de orarem lado a lado com Jesus, foram vencidos pelo sono. 

Pense também em quantas pessoas não viram Jesus face a face, andando por esse mundo. Quantos que não viram Jesus pregando, realizando milagres. Quantos não viram Jesus pregado naquela cruz! Porém zombaram, cuspiram nele, descreram. Perderam a oportunidade, mesmo com o próprio Deus diante deles!

Eu li um testemunho a este respeito.* 

Uma senhora trabalhava numa empresa que prestava serviço para jovens especiais. Certa vez, quando ela fazia a arrumação de um armário, um garoto se aproximou e perguntou se ela poderia dar uma caneta que estava ali. 

Eram canetas muito bonitas. Mas a mulher explicou que aquilo não era dela, teria que pedir para o dono do material. O garoto pediu, mas a pessoa não deu. E ele ficou muito frustrado. 

Aquilo incomodou a mulher e, para compensar, deu um cordão para pendurar o crachá. Mas ela mesma não teve coragem de dar uma caneta que tinha ganho como brinde; afinal, era tão bonita. Ela resistiu à tentação de pegar algo que não a pertencia, porém não abriu mão do que ela tinha. 

Alguns meses se passaram e aquele garoto, por um acidente de bicicleta, caiu, fraturou o fêmur, teve hemorragia e morreu. E aquela mulher chorou muito, não só pela perda do garoto, mas pela falta de ação da parte dela.

Ela poderia ter dado a caneta dela para ele, ela poderia ter falado de Jesus, ela poderia ter aproveitado aquela oportunidade... 

Essa mulher afirma que nesta experiência aprendeu...

...a dura lição de que as chances de fazer o bem, de abrir mão, de pedir perdão, de falar de Jesus podem ser únicas, e nunca se sabe quando vamos encontrar a pessoa novamente. O que se pode fazer hoje por uma pessoa não se deve deixar para amanhã. 

E você? Quantas oportunidades Deus tem dado a você hoje? De fazer o bem, de falar de Jesus, de ajudar alguém, de fazer algo pela igreja, pelo Reino de Deus? Você está aproveitando estas oportunidades? Ou está se omitindo?

Oremos para que Deus nos dê maior sensibilidade para aproveitar as oportunidades. Especialmente oportunidades de viver de acordo com sua vontade, ajudando o próximo.


*Pão Diário, nº 11 - 13 de janeiro - "A Caneta" - Rádio Transmundial, 2008.
Tecnologia do Blogger.