Egoísmo

Solidariedade
Um rei, ao notar que seus súditos eram muito egoístas, preparou um jantar para toda a população de seu reino. As mesas tinham um metro de largura. O rei mandou fazer talheres cujos cabos medissem um metro de comprimento. A ordem era comer segurando na ponta do cabo. Ao começarem o jantar verificaram que não podiam comer nada, pois o cumprimento do cabo de cada talher era maior do que o comprimento do braço de cada comensal.

Trocaram olhares, desconfiados, sem nada poderem fazer até que um deles teve a brilhante ideia e propôs ao companheiro da frente: Porque não alimentamos um ao outro, você pega comida no meu prato e põe na minha boca, eu faço o mesmo com você. Dentro de pouco tempo a ideia foi posta em prática e todos se fartaram do lauto jantar. E melhor ainda, aprenderam a lição e deixaram de ser egoístas.

(Extraído do livro “Respingando – Crônicas e Memórias”, 1ª Edição – Rev. Samuel Barbosa)
Tecnologia do Blogger.