Sociais

Alegria e contentamento



De fato, a piedade com contentamento é grande fonte de lucro
1 Timóteo 6.6

Duas frases de Agostinho me chamaram a atenção para este tema: “Alegria no contentamento”. São as seguintes: “A verdadeira felicidade não consiste em ter muito, mas em contentar-se com pouco. A felicidade é continuar desejando aquilo que possuímos”.


Com certeza, a felicidade não pode ser comprada. Por mais rico que alguém seja, nunca será feliz apenas pelas coisas que possui. A condição de adquirir bens materiais muitas vezes só fará aumentar a ambição e o consumismo. Gera um vício pelo prazer de comprar. Também como um vício, possuir novas coisas traz uma alegria momentânea, que passa rapidamente, como o efeito de uma droga. Passa a alegria e logo volta o desejo de consumir mais. 

Por isso, acredito que enquanto estamos vivendo neste mundo, a verdadeira felicidade só pode ser encontrada no contentamento. Contentamento, de certa forma, pode ser definido como a alegria de continuar desejando aquilo que possuímos.

É preciso saber viver como Paulo. Ele disse: “Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação, seja bem alimentado, seja com fome, tendo muito, ou passando necessidade”. 

Para continuar desejando o que possuímos é preciso aprender a adaptar-se às circunstâncias. Se está frio, vestimos blusas, se está calor, usamos roupas mais leves. As circunstâncias mudam rapidamente.

É preciso viver feliz com o que possuímos. Paulo diz que aprendeu o segredo da felicidade. Este segredo chama-se contentamento. Suas palavras finais dão uma luz ao que ele está pensando. Ele diz: “Tudo posso naquele que me fortalece”. 

O contentamento de Paulo vem de saber que Deus estaria sempre com ele. “Tudo posso”. Posso passar por perigos, ainda assim aquele que me fortalece vai garantir a vitória.

Posso passar por fartura, ser honrado e nestes dias Deus não permitirá que o apego material ou orgulho tomem conta do meu coração. Ele aprendeu a viver em contentamento, pois sabia que sua felicidade estava em Deus e não nas coisas que possuíam. 

A felicidade vem da confiança em Deus.

-----------------------------------------
Hebert dos Santos Gonçalves, é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil. Formado em Teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul em 1990 e pela Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2006. É um dos escritores do Presente Diário da Rádio Transmundial. É fundador e editor do site: www.hebert.com.br
Google Plus