Sociais

Conselhos para o ano novo


Cuidado com a vida: você tem um carro? Então não tenha pressa. Carro e pressa não se casam. Com carro, e sem pressa, você chega, com carro e com pressa, nem sempre. Não pretenda ser o dono da rua nem da estrada e muito menos da vida de seus semelhantes. A sua vida e a de seu próximo têm muito valor. Sabia disso?


Pensamentos: 

"Deus dá aos pássaros o alimento, mas não o coloca em seus ninhos".
"Quem nega a Deus o pouco que o dever lhe manda dar, não lhe pode pedir o muito de que necessita para viver".
"Deus não nos consola para que vivamos uma vida cômoda, senão para que sejamos um consolo para os outros".
"Deus fez uma promessa: a Fé acredita nela, a Esperança a antecipa, a Paciência a aguarda".

Você é nervoso? "Não te irrites, mas tolera com amor. Tudo sofre, tudo espera pelo amor". O amor é benigno, é paciente, tudo sofre, tudo perdoa. Não permita que seus nervos estraguem seus pensamentos. Leia a Bíblia e ore bastante, você verá como é fácil vencer o nervosismo.

Sobre o tempo: "Remindo o tempo porquanto os dias são maus". Paulo apóstolo.

Como é que você passa o seu tempo, amigo? Você sabe que o tempo é irremissível. Você sabe que tudo pode-se recuperar, menos o tempo perdido? Faça do seu tempo "daqui" uma oportunidade para merecer o tempo "de lá". Não despreze os minutos, saiba que uma vida é feita de segundos!

Sobre a família. Alguém disse que a humanidade é uma grande irmandade. Se isso é verdade, a humanidade é uma grande família. Se somos irmãos não podemos ser egoístas. Não podemos pensar em nós sem pensar nos outros. A palavra Família tem o mesmo radical de Famulus que significa servo. Daí se conclui que só existe família onde todos vivam para servir. Já aconselhava o velho apóstolo: "cada um considere os outros superiores a si mesmo".

O maior mistério: O Dr. André Bonar disse certa vez, que ainda era um mistério para ele, saber como o pecado havia entrado no mundo, mas um mistério ainda maior era pensar como Deus houvesse vindo ao mundo para levar o castigo do pecado, que pesava sobre o pecador. De fato é um mistério, mas "quem pode entender a mente do Senhor?" Mistérios de amor!

Sobre rastros: Tudo que passa pela mente deixa rastros. Não permita que haja lama nesses rastros. Deixe passar pela sua mente apenas o que deixa rastros de luz e, por falar em luz, se você tem medo da sombra, caminhe sempre em direção à luz!

Sobre a humildade (Juan Burghi): Era um ser de um orgulho desmedido. Em suas orações a Deus pedia riqueza, mando, honras e porfias. E se inquietava por não ser atendido. Conceda-me Senhor, o que te peço, dizia em suas contínuas súplicas. Faça venturosa a existência minha e não deixes meus pedidos no olvido. Ademais eu quisera que as gentes o meu nome pronunciassem reverentes como o fazem com o nome de Jesus. Um anjo, mensageiro luz e fogo, chegou e lhe disse: Deus ouviu os teus rogos. Aí tens tudo de que necessitas. E deixou-lhe aos pés uma cruz.

Sobre a pontualidade: Ao secretário particular que chegara tarde e se justificava por estar o seu relógio com algum defeito, dizia George Washington: ou o senhor arranja outro relógio ou eu terei de arranjar outro secretário.

Não terá o irmão, ouvido da parte de Deus uma observação, mais ou menos nestes termos - Ou você manda consertar esse relógio ou eu arranjarei outros adoradores.

Sobre arrependimento: Publilio Siro que viveu no século I AC disse: "Haud errattota qui redit media via". Não erra totalmente quem volta do meio do caminho. Arrependimento é o reconhecimento do mau caminho e o desejo de voltar para o bom. No livro do Apocalipse encontramos esta advertência: "sê pois zeloso e arrepende-te".

--------------------------------------------------
Samuel Barbosa é pastor jubilado da Igreja Presbiteriana do Brasil. Formou-se em teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul em 1960. Posteriormente graduou-se em Letras, Pedagogia, Supervisão Escolar e Especialização em Língua Portuguesa com produtiva carreira acadêmica. Pastoreou as igrejas presbiterianas de Apiaí, Correias e Itararé entre 1961 e 1962. Foi pastor da Igreja Presbiteriana de Itararé durante 32 anos até sua jubilação. Presidiu o Presbitério de Itapetininga por 22 anos e é pastor emérito das Igrejas Presbiterianas de Itararé e Itaberá. 
Google Plus