Como confiar em Cristo


"Jesus Cristo, eu confio em você". Essa frase eu li num crucifixo de prata pendurado no pescoço de um jovem, na escola. Aproximei-me peguei o crucifixo, li o que estava escrito e comentei com o rapaz: muito bonito este dístico. Você confia em Cristo Será que Ele também confia em você? O rapaz então me respondeu': "aí já são outros quinhentos".


Parece que nunca Jesus Cristo contou com tantos adeptos como nos dias de hoje. Até músicas populares estão aí para atestar o que afirmamos - Jesus Cristo eu estou aqui, de Roberto Carlos; Canção de um jovem triste, de Antonio Marcos; a peça Jesus Cristo Superstar e outros que mais veladamente fazem menção a Cristo.

Fala-se tanto em Cristo. Isso é bom. É bom e necessário que os homens descubram que o Cristo nunca esteve ausente da vida do mundo e da humanidade. As pessoas é que não O percebem. Está aumentando o número de pessoas que confiam em Cristo. Os movimentos de jovens, os congressos de mocidade, os encontros para se discutirem os ensinos de Cristo se multiplicam. Isso é bom.

Mas o mundo continua sendo o mesmo mundo cheio de maldades, de inveja, de hipocrisia. Os assassinatos, os roubos, os sequestros, a traição e toda a sorte de crimes campeiam livremente. Isso é mau. Se perguntássemos a todos os criminosos se eles confiam em Cristo, todos responderiam que "sim".

Como explicar então que pessoas que confiam em Cristo, desprezem seus ensinamentos? Como explicar que pessoas que confiam em Cristo persigam seus subalternos, menosprezem quem não comunga com suas ideias, mantenham tanto ódio no coração, por vezes até mesmo por diferença de maneira de crer? 

O problema do mundo não é falta de gente que confia e Cristo. O problema do mundo é falta de gente em quem Cristo confie. Muitos confiam em Cristo, mas vivem de tal modo que Cristo não pode confiar neles! 

Enquanto a confiança for só da parte do homem, o mundo não vai ser nem um pouco melhor, a humanidade não vai ser beneficiada em nada. A felicidade, a paz, o amor, a compreensão, tão decantados, mas muito pouco vividos, só serão realidade no dia em que todos os cristãos, pela prática dos ensinos de Cristo se tornarem também confiáveis perante Ele.

Somente quando a confiança for recíproca é que o homem poderá obter algum benefício de sua fé. Todos sabem que a paz, o amor, a felicidade tão ansiosamente procurados, não estão fora, mas dentro do próprio homem. 

O importante é descobrir essa paz, esse amor e isso só será possível ao homem quando ele incorporar em sua própria vida os ensinamentos de Jesus Cristo, bem como seus exemplos atendendo ao que Ele mesmo mandou: - "assim como me vistes fazer, fazei vós também".

Quando as pessoas passarem a vivenciar esses ensinamentos então merecerão a confiança dEle e haverá amor, paz e compreensão entre os homens. Coopere com a felicidade da humanidade.

Continue sendo uma pessoa que confia em Cristo, mas viva de tal modo que Cristo também confie em você, pois o importante não é saber se você confia em Cristo. O importante, repetimos é saber se Cristo também confia em você.

--------------------------------------------------
Samuel Barbosa é pastor jubilado da Igreja Presbiteriana do Brasil. Formou-se em teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul em 1960. Posteriormente graduou-se em Letras, Pedagogia, Supervisão Escolar e Especialização em Língua Portuguesa com produtiva carreira acadêmica. Pastoreou as igrejas presbiterianas de Apiaí, Correias e Itararé entre 1961 e 1962. Foi pastor da Igreja Presbiteriana de Itararé durante 32 anos até sua jubilação. Presidiu o Presbitério de Itapetininga por 22 anos e é pastor emérito das Igrejas Presbiterianas de Itararé e Itaberá. 
Tecnologia do Blogger.