Você é forte?


Você é forte? Essa pergunta já lhe foi feita alguma vez? Se foi, o que você respondeu?

Força é algo que todos gostariam de ter. Força em todos os sentidos. Força física, econômica, moral, enfim todos gostariam de ser fortes. Infelizmente nem todos podem ter forças. Uns por enfermidades outros por falta de oportunidade, outros ainda por falta de orientação.

Os jovens principalmente, têm amplas oportunidades de serem fortes. Saúde, com raras exceções, todos têm.


É preciso treinar para ser forte de um outro ponto de vista. Possuir aquela força interior, aquela força que o apóstolo João pressupunha que todos os jovens tinham, quando escreveu: "Eu vos escrevi, moços, porque sois fortes". Não é a força necessária para levantar grandes pesos - para isso existem os guindastes - ou para lutar contra animais ferozes ou para ganhar uma luta livre.

É a força para enfrentar e vencer as pequenas insinuações de um mau convite; é a força necessária para dizer não a um mau convite.

Uma vez um moço foi desafiado por um "amigo" para beber um copo de pinga. O moço não queria beber. Então a insinuação maligna: - Você não é homem. Daí para mostrar que era homem bebeu o copo de pinga. Para mostrar que era homem deixou de lado a maior prova de hombridade - a autodeterminação, fez a vontade do outro, contrariando a sua própria vontade.

Dali a alguns minutos estava dormindo como um porco, emborcado à beira da calçada! Foi levado pelo "amigo" para casa, meio arrastado, meio carregado. Aquele moço simplesmente despersonalizou-se porque não fez a sua própria vontade, mas a do outro que o queria ver bêbado.

Quantos viciados existem por aí, em todo tipo de vício, que começaram porque não quiseram passar por fracos diante dos "fortes", para quem uma dose a mais nunca faz diferença? Cada pessoa tem um conceito do certo e do errado e o indivíduo só é forte quando consegue defender princípios que julga certos mesmo contra a pressão dos que estão errados.

Para dizer Sim a qualquer tipo de convite não é preciso ser forte, qualquer fraco é capaz de fazer isso.
Para dizer Não aos maus convites e aos maus exemplos, aí sim, é preciso muita força.

Examine bem as suas reações com referência às opiniões de seus amigos, às insinuações de seus inimigos, ou mesmo aos desafios de seus inimigos. Você é forte? Essa pergunta já lhe foi feita alguma vez?

Eu estou lhe fazendo agora. Você é forte?

Veja se você entende o que o apóstolo Paulo tem a dizer a esse respeito: "Pelo que sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte".

Note, quando ele se julga forte é quando ele é julgado fraco pelos inimigos do bem, pelos inimigos do evangelho. Ele pode ser humilhado, pode ser vilipendiado pelos inimigos, sendo por amor a Cristo isso é sinal de força para ele, porque ele já havia aprendido a viver fazendo, não a sua vontade, mas a vontade de Cristo. É ele mesmo que afirma: "Já não sou eu mais o que vive, mas Cristo é que vive em mim".

Seja um indivíduo forte em Jesus Cristo, mesmo que essa força seja considerada fraqueza pelos homens. Os homens estão sempre nos decepcionando. Cristo, porém jamais decepcionou alguém. Ele não decepcionará você. Pode crer.

--------------------------------------------------
Samuel Barbosa é pastor jubilado da Igreja Presbiteriana do Brasil. Formou-se em teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul em 1960. Posteriormente graduou-se em Letras, Pedagogia, Supervisão Escolar e Especialização em Língua Portuguesa com produtiva carreira acadêmica. Pastoreou as igrejas presbiterianas de Apiaí, Correias e Itararé entre 1961 e 1962. Foi pastor da Igreja Presbiteriana de Itararé durante 32 anos até sua jubilação. Presidiu o Presbitério de Itapetininga por 22 anos e é pastor emérito das Igrejas Presbiterianas de Itararé e Itaberá. 
Tecnologia do Blogger.