Sociais

O exercício mais importante

Charge via Rabix

“... (7b) Exercita-te pessoalmente, na piedade. (8) Pois o exercício físico para pouco é proveitoso, mas a piedade para tudo é proveitosa, porque tem a promessa da vida que agora é e da que há de ser.” - 1 Timóteo 4.7b-8

“Saúde é o que interessa! O resto não tem pressa!” – dizia um personagem de um antigo programa humorístico. A frase mostra o pensamento que se tem sobre o as atividades físicas e o esporte, ligando-os com o bem-estar pessoal e até mesmo espiritual.

Sem dúvida, a prática de exercícios físicos é algo ótimo e todos devem fazer! Mas apenas exercício físico sem o exercício espiritual será um grande prejuízo. E isso acontece porque o proveito do exercício físico é limitado: restringe-se a esta vida transitória. No entanto, o exercício espiritual, traz promessas de vida, não só para o agora mas para o futuro, além das fronteiras da morte.


Por isso, quem arranja tempo para esportes e entretenimento corporal mas não tem tempo para exercitar-se na fé está fazendo uma escolha equivocada. Está optando por uma vida essencialmente pobre, espiritualmente falando.

Isto também se aplica ao consumismo esportivo. Há pessoas que sabem os nomes de todos os jogadores dos diversos times brasileiros. Dizem de cor as datas que a seleção brasileira ganhou a Copa do Mundo. 

Mas, estas mesmas pessoas começam a gaguejar quando alguém lhes pede para que elas citem alguns profetas do Antigo Testamento. E se encontram desorientadas quando alguém lhes pede para abrir a Bíblia no livro de Habacuque. Não abrem a boca para expressar o que significa a ascensão de Cristo. São pessoas que estão fazendo uma escolha equivocada.

Outros colocam o despertador para acordar de madrugada, tanto esforço para assistir uma luta de Box ou Fórmula 1. Mas são incapazes de acordar de manhã para ir à Escola Bíblica Dominical para aprender da Bíblia e se exercitar na vida espiritual. Estas pessoas também estão fazendo uma escolha equivocada.

“Como posso exercitar minha vida espiritual?”, você irá perguntar. Leia a Bíblia, ore e pratique. Participe da Escola Bíblica Dominical. Participe também dos cultos de quarta-feira, que são especificamente doutrinários. Não seja um cristão “domingueiro”. Faça a escolha certa, priorize o que é correto - e não deixe de praticar atividades físicas. 

 --------------------------------------------------
Andrei de Almeida Barros é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil. Em 1998 trabalhou como missionário em Portugal. Formou-se em teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul em 2003 e ordenado pastor em 2004.
É fundador e editor do site www.semeandovida.org
Google Plus