Hino 260 - Amor que vence




1. Amor, que por amor desceste!
Amor, que por amor morreste!
Ah! Quanta dor não padeceste! 
Minha alma vieste resgatar
E meu amor ganhar!

2. Amor, que por amor seguias
A mim, que sem amor tu vias! 
Oh! Quanto amor por mim sentias, 
Eterno Deus, Senhor Jesus, 
Sofrendo sobre a cruz!

3. Amor, que tudo me perdoas, 
Amor, que até mesmo abençoas 
Um réu de quem tu te afeiçoas! 
Vencido, ó Salvador, por ti, 
Teu grande amor senti!

4. Amor sublime, que perduras; 
Que em tua graça me seguras,
Cercando-me de mil venturas! 
Aceita agora, ó Salvador,
O meu humilde amor. 

Informações
Letra: George Matherson, 1882
Tradução: Henry Maxwell Wright, 1912
Música: Albert Lister Peace, 1885

História
George Matheson nasceu na Inglaterra em 1842. Ficou cego durante a adolescência, apesar do que logrou completar seus estudos de Teologia na Universidade de Glasgow, com brilhantismo. 

Foi ordenado em 1866 e trabalhou em diversas igrejas, alcançando notoriedade pela sua cultura como escritor e sua eloqüência como pregador. Escreveu obras teológicas como "Aids to the study of German Theology" (1874). 

Assumiu a igreja de São Bernardo, Edimburgo, em 1886. Permaneceu nessa igreja até sua aposentadoria Publicou um livro de poesias intitulado "Sacred Songs" (1890). O hino que ora apresentamos foi incluido no "The Scottish Hymnal" (1885) e é muito difundido no Brasil, graças à tradução de Henry Maxwell Wright. Matheson faleceu repentinamente em 1906.

Tecnologia do Blogger.