Hino 180 - Amor fraternal



1. Jesus, Pastor amado! Louvamos-te hoje, aqui,
Unidos pela graça, um corpo só em ti.
Contendas e malícias, que longe de nós vão,
Nenhum desgosto impeça a nossa santa união.

2. Família unida somos, família de Jesus!
Iluminados todos da mesma santa luz.
A mesma fé nos une num só divino amor
E cheios de alegria servimos ao Senhor.

3. Num só caminho estreito
Deus mesmo nos conduz,
Só temos esperança no Salvador Jesus!
Sua morte preciosa a todos vida traz
E pelo mesmo sangue nos vem a mesma paz.

4. Pois sendo resgatados por um só Salvador,
Vivamos sempre unidos por mais ardente amor,
Com simpatia olhando os erros de um irmão,
Cuidando de ajudá-lo com branda compaixão.

5. Jesus, bondoso Amigo, ensina-nos a amar
E, como tu fizeste, também a perdoar,
Pois tanto carecemos do auxílio teu, Senhor!
Unidos, graças damos por teu imenso amor.


Informações
Letra: Sarah Poulton Kalley, 1861
Música: Chrétien Urhan, 1834
Arranjo: Edward Francis Rimbault, 1867

História
O compositor Chrétien Urhan naceu em Aix-la-Chapelle em 1790. Nome ilustre na Bélgica, sua pátria, e em todo o mundo, destacou-se como violinista exímio, organista e compositor. Também dedicou ao piano muito de seu interesse, no início da carreira. A imperatriz Josephine incentivou seu trabalho e enviou-o a Paris, onde estudou com Kreutzer, Habeneck e Rode. Em 1816 passou a integrar a orquestra da Opera de Paris e logo chegou a solista. No Conservatório de Paris lecionou viola e viola d'amore, que executava com incrível maestria. Participando de grupos camerísticos, promoveu a música de Beethoven e Schubert. Deixou uma obra camerística de melhor qualidade. Faleceu em Paris em 1845.

Tecnologia do Blogger.