Hino 137 - Abrigo no temporal



1. Rochedo forte é o Senhor,
Refúgio na tribulação!
Constante e firme amparador,
Refúgio na tribulação!

    Oh! Cristo é nosso abrigo no temporal,
    Na tentação, em todo mal!
    Sim, Cristo é nosso abrigo no temporal,
    Refúgio na tribulação!

2. É como sombra no calor,
Descanso na tribulação!
Refaz as forças, dá vigor:
Descanso na tribulação!

3. Piloto bom no bravo mar,
Firmeza na tribulação!
Ancoradouro singular,
Firmeza na tribulação!

4. Leal Amigo e Benfeitor,
Auxílio na tribulação!
Fiel e eterno Salvador,
Auxílio na tribulação!


Informações
Letra: Vernon J. Charles Worth, 1839 - 1915
Tradução: João Gomes da Rocha, 1898

História
O Dr. João Gomes da Rocha, tradutor deste hino, nasceu no Rio de Janeiro em 1861, filho de portugueses. Adotado pelo casal Dr. Robert e D. Sarah Kalley, foi batizado na Escócia aos 24 anos. 

Formou-se em Medicina em Londres e foi médico missionário da "Midmay Mission to the Jews", através da qual viajou para a Argentina, Uruguai e Brasil, onde permaneceu mais tempo, visitando cidades dos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e São Paulo. 

A missão levou-o à África e, mais tarde, passou a residir definitivamente em Londres, exercendo a medicina. E autor da obra "Lembranças do Passado" que registra em quatro volumes preciosos a história do trabalho missionário de seus pais adotivos no Brasil.

Produziu trabalhos originais, traduções e adaptações de hinos, muitos incluídos na coleção "Louvores" em 1938 e inúmeros em todos os hinários de língua portuguesa, a partir do "Salmos e Hinos".

Tem parte relevante na vida desse hinário, quer ajudando D. Sarah no preparo das edições posteriores à morte do Dr. Robert, quer cuidando pessoalmente das edições até a de 1919, para a qual preparou os importantíssimos índices. Legou à Igreja Evangélica Fluminense os direitos autorais do "Salmos e Hinos". Faleceu em 1947, em Londres.

Tecnologia do Blogger.