As Bem-Aventuranças (7) - Os Pacificadores

Fundamento correto


Porque ninguém pode colocar outro alicerce além do que já está posto, que é Jesus Cristo (1Co 3.11).

Um construtor sábio, constrói sobre um bom alicerce. Um cristão edifica sua vida sobre a rocha que é Jesus. Joseph Parker disse muito bem: 

Nossa função não é construir depressa, mas construir sobre o fundamento correto e com o espírito correto. A vida é mais que uma simples competição entre um homem e outro; não é quem termina primeiro, mas quem trabalha melhor; não é quem consegue chegar mais alto em menos tempo, mas quem está trabalhando com maior paciência e amor, de acordo com os desígnios de Deus.

Mateus 7 diz que a diferença entre edificar a vida sobre a rocha ou sobre a areia está em ouvir e praticar a palavra de Deus. Quem ouve as palavras de Jesus e as pratica é comparado a um homem prudente. A casa deste se mantem de pé, mesmo diante das tempestades. 

E todo aquele que ouve as palavras de Jesus e não as pratica é comparado a um homem insensato. Grande é sua queda. Quando a tempestade chega, sua casa cai. Esta passagem encerra o sermão do monte que ensina sobre a grande diferença entre a sabedoria do mundo e a de Deus.

Paulo faz o mesmo alerta. “Veja cada um como edifica” (1Co 3.10b), como constrói sua vida. Na sequência ele exorta ao perigo de seguirmos a sabedoria do mundo.

 “Porque a sabedoria deste mundo é loucura aos olhos de Deus. Pois está escrito: Ele apanha os sábios na astúcia deles; e também: O Senhor conhece os pensamentos dos sábios e sabe como são fúteis” (1Co 3.19-20).

Que Deus nos abençoe. “Sejam de ferro e bronze as trancas das suas portas, e dure a sua força como os seus dias” (Dt 33.25). Quando nosso alicerce é Jesus, a nossa força será como os nossos dias, neles nos manteremos de pé. 

“Nenhum dia sem trabalho, nenhum trabalho sem a força para executá-lo” (Desconhecido). Com o auxílio de Jesus, nada poderá nos derrubar. Não por força, nem por poder, mas pelo Espírito de Deus podemos vencer.

Faça melhor, viva melhor.

Comentários