As Bem-Aventuranças (4) - Fome e sede de justiça