Hino 98 - Não há condenação



1. "Não há condenação!"
Assim diz o Senhor.
Pois temos ante o Tribunal
Perfeito defensor.

2. "Não há condenação!"
O justo e santo Deus
Aceita a Cristo, o Mediador,
Que entrou por nós nos céus.

3. "Não há condenação!"
Repousa, ó alma, aqui!
É Cristo, quem na cruz morreu,
Teu advogado ali.

4. "Não há condenação!"
O Cristo triunfou!
Pagando algo preço, ali
Na cruz nos libertou!


Informações
Letra: Sarah Poulton Kalley, 1877
Música: Loys Bourgeios (c. 1510 -c. 1561)
Adaptação: William Crotch (1775 - 1847)

História
Melodias simples, rudes e fortes eram produzidas para os salmos metrificados para o "Saltério de Genebra" (1539-1564-1565) por Claude Goudimel e Louis Bourgeois. 

Este último nasceu em Paris por volta de 1510. Entre 1545 e 1557 trabalhou como regente, compositor e professor em Genebra, ajudando João Calvino a organizar o "Saltério". 

Calvino o ajudou a se livrar de vários embaraços devido às posições administrativas intransigentes da época. Em 1560 voltou para Paris e aí faleceu no ano seguinte. 

Sua música imortal figura em todos os hinários e coleções posteriores, chegando até nossos dias com a mesma força e simplicidade que caracterizaram os primórdios da Salmódia Métrica do século dezesseis.

Tecnologia do Blogger.