Hino 103 - Salvação em Cristo



1. Jesus, agora eu bem sei
Quão grande é teu amor!
Pois salvação me deste aqui,
Aceita o meu louvor.


    Ó, Cristo, és meu Salvador,

    Por ti eu tenho paz!
    Jesus, a ti louvor darei
    Por tudo o que me dás.

2. Jamais descanso conheci,
Por ser um pecador;
Mas tu olhaste para mim
Com teu divino amor.

3. Louvor, louvor darei a ti,
Ó Cristo, meu Senhor!
Profeta, Sacerdote, Rei,
Do mundo o Salvador.


Informações
Letra: Ethelbert William Bullinger, 1837 - 1913
Tradução: Joseph Jones, 1887
Música: James McGranahan, 1840 - 1907

História
Este hino precioso de Ethelbert W. Bullinger recebeu especial atenção de Joseph Jones, que o traduziu para o português em 1887. Este poeta e tradutor de tantos hinos era filho de ingleses. Nasceu no Porto, Portugal, em 1848. Dedicou seus talentos de escritor e lingüista à causa do evangelho, chegando a ser pregador leigo. 

Um de seus trabalhos mais interessantes foi o auxílio que prestou ao pastor Salomão Ginsburg em sua estada no Porto, onde aprendeu o português, no preparo de um folheto intitulado "São Pedro nunca foi Papa". Ginsburg estava se preparando para vir para o Brasil e ficou hospedado na casa da família Fernandes Braga. Ali Joseph Jones fez a revisão do folheto citado. Faleceu em 1927. 

A música "None but Christ" é do compositor James McGranaham que figura em nosso hinário com dez músicas e um poema. Este extraordinário músico norte-americano nasceu em 1840 na Pensilvânia. 

Solista e regente, foi convidado pelo grande evangelista Daniel Webster Whittle (conhecido por Major Wittle) para dirigir a música em sua equipe de evangelização, em substituição ao grande Philip Paul Bliss, recentemente falecido em um horrível desastre ferroviário. 

MacGranahan tem seus trabalhos divulgados em todo o mundo, na maioria dos hinários congregacionais. E autor e compositor do hino Far, faraway ("Eis os milhões") n° 289 em nosso hinário. Faleceu em 1907 em Ohio.

Tecnologia do Blogger.