Hino 302 - Povoam as cidades


Povoam as cidades inquietas multidões
Que vivem na ganância e em vis degradações.
Bem pouco ali ressoam as preces e o louvor
Que as mal nutridas almas levantam ao Senhor.

Há muitas cenas tristes, flagrantes erros há!
Há lares sem carinho e o medo em tudo está.
Nos centros e nos bairros, nas ruas, nas prisões,
As almas esquecidas perecem aos milhões.

Contempla, ó Deus, teu povo nas lutas do viver,
E aos crentes das cidades concede teu poder!
Do sonho à realidade permite-nos sair,
Oh, faze a Igreja de hoje melhor a ti servir. Amém

Comentários