As Bem-Aventuranças (7) - Os Pacificadores

Hino 232 - Pequena vila de Belém


Pequena vila de Belém,
Repousa em teu dormir,
Enquanto os astros lá no céu
Estão a refulgir.
Porém, nas tuas trevas
Resplende eterna luz,
Incomparável, divinal:
Nasceu o bom Jesus!

Da virgem mãe nasceu Jesus!
Vós anjos proclamai
As boas-novas lá dos céus,
E a Deus louvores dai!
Estrelas matutinas,
Em hinos de louvor,
Aos anjos e homens proclamai
De Deus o eterno amor.

O dom glorioso, divinal
Nenhum estrondo faz,
Assim, aos homens, o Senhor
Concede graça e paz.
Sereno e sem alarde
Vem ele ao mundo assim,
Trazendo aos homens Redenção,
Amor e paz sem fim.

Oh! Vem morar nos corações,
Divino Rei, Jesus,
E faze-os entrever no céu
Visões da tua luz.
Ali proclamam anjos
De Deus o amor fiel!
Oh! Vem, Senhor, aqui reinar,
Eterno Emanuel. Amém.

Comentários