Aprovado


Leitura Bíblica: Tiago 1.12.16
O homem honesto é cauteloso em suas amizades, mas o caminho dos ímpios os leva a perder-se (Pv 12.26).

Três estudantes não fizeram um exame, porque não estudaram. Eles elaboraram um plano; sujaram-se com graxa, óleo e gasolina e foram ao professor: 

“Professor, pedimos desculpas. Não pudemos vir ao exame, pois estávamos num casamento e no caminho de volta o carro quebrou, por isso estamos tão sujos, como pode ver”. 

O professor entendeu e deu-lhes três dias para se prepararem. Após três dias, eles foram ao exame muito bem preparados, porque tinham estudado. 

O professor colocou-os em salas separadas e aplicou a prova que tinha apenas 4 perguntas: 

1. Quem se casou com quem? 
2. Que horas o carro quebrou? 
3. Onde exatamente o carro quebrou? 
4. Qual é a marca do carro? 

NOTA: Se as respostas forem idênticas, estarão aprovados. Boa sorte!

Esta história nos lembra a frase: “A mentira tem perna curta”. Pensando nestes rapazes, devemos pensar na importância da honestidade. 

Não podemos ser influenciados a trapacear e mentir para ganhar alguma vantagem. Não devemos alterar, nem aumentar uma história para nos favorecer. 

Mentir, omitir, roubar e enganar é uma escolha que sempre nos trará problemas maiores do que as aparentes vantagens do momento.

Devemos tomar cuidado com as amizades. Atitudes como esta dos estudantes muitas vezes são tomadas em grupo. É como se um desse o aval ao outro. 

O peso da trapaça parece mais leve quando dividimos com outros. Estejamos atentos, não devemos justificar nosso erro com base no erro dos outros. É perigosa a frase “todo mundo faz isso”.

Sejamos honestos. Tenhamos como base para as nossas decisões a verdade. Devemos pedir a Deus como Salomão, que disse: “Mantém longe de mim a falsidade e a mentira” (Pv 30.8). 

E que “antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo” (Ef 4.15). Nos aproximemos de Deus. Vivendo com Cristo e buscando a verdade seremos aprovados.

A honestidade deve ser preservada.

Comentários