As Bem-Aventuranças (7) - Os Pacificadores

Confissão e transformação


Por amor do teu nome, Senhor, perdoa o meu pecado, que é tão grande! (Sl 25.11)

A confissão é um privilégio que Deus nos dá. É a oportunidade de falarmos com ele sobre os nossos pecados sem medo de sermos rejeitados ou condenados. Para ilustrar a transformação que a confissão opera, Paul David Tripp conta uma história familiar. 

Disse que tinha um jardim feio e inútil na parte de trás de sua casa. Cada vez que olhava o jardim ficava desencorajado e sobrecarregado. Nunca levava as visitas no quintal, na verdade, ficava envergonhado quando alguém olhava. 

Um dia estava vendo uma revista e viu um pequeno jardim como o dele que havia sido revitalizado. Ele havia sido transformado em um pequeno jardim maravilhoso, um espaço de descanso. A partir daí, ele conta que passou a olhar para o seu pequeno jardim com esperança. 

Disse: 

Eu o vi com novos olhos. Então comecei a trabalhar nele. A mudança demorou muitas estações, mas quando mudamos daquela casa, deixamos para trás um jardim diferente. As ervas daninhas deram lugar a um lindo gramado, o muro feio de trás agora era o pano de fundo de arbustos ornamentais. A lama deu lugar a um pátio de paralelepípedos ingleses. Esse lugar de vergonha se tornou o nosso canto favorito.

David Tripp aplica sua história com a seguinte frase: 

À medida que você olha a lama e ervas daninhas do seu passado, pense na promessa doce de esperança que é encontrada em I João 1.8-9: Se dissermos que não temos pecado nenhum, a nós mesmos nos enganamos, e a verdade não está em nós. Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça.

Quando confessamos os nossos pecados, além do perdão, temos o presente da transformação. Quando vemos nosso pecado, no lugar de escondê-lo, devemos confessá-lo.

No lugar de vê-lo como um terreno cheio de entulhos, podemos visualizar a grande obra que Deus irá construir em nossa vida. Acredite, as mudanças que você precisa em sua vida são possíveis.

Confissão, poderosa arma de transformação.

Comentários