Aparências não enganam


O Senhor não vê como o homem: o homem vê a aparência, mas o Senhor vê o coração (1Sm 16.7).

Podemos enganar muitas pessoas e até a nós mesmos, mas o fruto de uma vida de aparências é uma vida de mentiras. Quem faz opção pela falsidade, colhe o amargo fruto da falência espiritual. 

Podemos nos esconder atrás de muitas máscaras, mas Deus sempre conhece a realidade de nossas vidas. Sobre isto o Rev. Alexandre Antunes compartilhou um texto que dizia: 

Uma das coisas mais lindas que aprendi estudando o ministério de Jesus, é como ele se aproximava das pessoas, sempre deixando claro que ele não se deixava iludir pelas máscaras tão características do ser humano. 

Muitas vezes ele respondia as perguntas das pessoas de uma forma diferente do que havia sido perguntado. E isto porque simplesmente ia direto ao coração de quem estava perguntando. 

Respondendo a verdadeira dúvida. Jesus não vê aparência. Jesus vê coração. E mais, além de ver a verdade do coração, Jesus é aquele que cura, liberta, salva.

Não precisamos nos esconder de Jesus, não podemos nos esconder dele. Precisamos nos aproximar de Jesus, confessando nossa falência e buscando forças para andar em novidade de vida. 

Fazer pouco é melhor do que fazer muito somente na aparência. O Rev. Alexandre prossegue dizendo:

Vivemos em uma geração da aparência. As máscaras são as nossas redes sociais. Nelas queremos sempre mostrar o quanto estamos bem. O quanto somos felizes. O quanto nossa vida é legal. O quanto nossa existência é relevante. 


Mas muitas vezes é apenas uma maquiagem para esconder complexos, medos, incertezas, traumas. Mas Jesus continua vendo além das fotos perfeitas e stories divertidos das redes sociais. 


Ele vê o coração. Lembre-se do que ele disse certa vez: Vinde a mim todos os que estão cansados e sobrecarregados e eu vos aliviarei.

No lugar de nos contentarmos em viver uma vida apenas de aparência, sejamos mais verdadeiros.

Aparências não enganam a Deus.

Comentários