De manhã


De manhã, SENHOR, ouves a minha voz; de manhã te apresento a minha oração e fico esperando (SI 5.3).

Todas as manhãs marcam o início de um novo dia. Ao acordamos é um momento importante para nos apresentarmos a Deus através da oração. Antes que nossa voz possa ser ouvida por qualquer pessoa, ela deve ser ouvida pelo Senhor. 

Nosso compromisso com Deus deve ser como o do salmista: "Pela manhã ouvirás a minha voz, me apresentarei a ti”. 

Spurgeon comenta este texto dizendo: 

A aurora é o portão do dia, e deve ser guardada com orações. É a ponta do cordão que amarra as ações do dia, devendo ser atado com devoção. Se percebêssemos melhor a grandeza da vida, seríamos mais cuidadosos com suas manhãs. 


Quem sai correndo da cama para os negócios, e não espera para adorar, é tão tolo quanto quem não se veste ou não lava o rosto, ou tão insensato quanto o que se lança na batalha sem armas nem armadura. 


Que nos banhemos no rio refrescante da comunhão com Deus, antes que a solidão e o peso da estrada comecem a nos oprimir.

Depois da oração matinal, o salmista permanece na presença de Deus. Ele diz: “fico esperando”. Ele esperava a resposta. Isso indica que sua comunhão com Deus permanecia no decorrer do dia. 

Nossa oração matinal deve ser sempre uma demonstração de submissão ao cuidado de Deus. Como disse Davi: "Guia-me na tua verdade e ensina-me, pois tu és o Deus da minha salvação, em quem eu espero todo o dia” (SI 25.5).

Deus está atento. Tudo ouve, tudo vê. Ele espera a oração de seus filhos. Ele quer que o busquemos. "Do céu, olha Deus para os filhos dos homens, para ver se há quem entenda, se há quem busque a Deus” (SI 53.2). 

Enquanto muitos insistem em ignorar a Deus, em até negar sua existência, que sempre estejamos incluídos naqueles que buscam a Deus e andam em seus caminhos. 

Que ao levantar, nosso primeiro pensamento seja na direção de Deus. Pela manhã, louvemos a Deus com alegria, pois grande é o seu amor, cuidado e misericórdia para conosco.

Deus é alto refúgio.

Comentários