As Bem-Aventuranças (7) - Os Pacificadores

A certeza do perdão


Porque Deus, que disse: Das trevas resplandecerá a luz, ele mesmo resplandeceu em nosso coração, para iluminação do conhecimento da glória de Deus, na face de Cristo (2Co 4.6) - leia também Salmo 130

No Salmo 130 vemos um clamor de desespero. É um clamor de quem sente o peso e a culpa pelo pecado. É um pedido de perdão a Deus, o único que pode nos perdoar. 

O salmista diz: “Contigo, porém, está o perdão” (v. 4). A certeza que ele tem de que Deus pode perdoá-lo, o faz aguardar ansiosamente. 

O sentido aqui não é de preocupação, mas de expectativa, de uma espera alegre. Como os guardas sabem que virá o romper da manhã, ele sabe que a luz virá sobre as trevas do pecado em sua vida. Ele sabe que Deus é fiel em perdoar aqueles que se arrependem de seus pecados. 

“Ele é quem redime a Israel de todas as suas iniquidades” (v.8). Quem resgata da culpa, da punição, tristeza e da morte.

Cristão! Não descanses até conhecer o brilho pleno e contínuo de Deus em teu coração. Para isso, humilha-te sempre que algum movimento desse brilho mostrar-te um mal não vencido ou. talvez, invencível. 


Simplesmente traze-o à luz: deixa que a luz brilhe sobre ele, expulsando-o. Espera pelo Senhor, mais do que os vigias esperam pela manhã, pois ‘a vereda dos justos é como a luz da aurora que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito’. 


Conta com o fato de que Deus deseja encher-te com a luz da sua glória; espera por ele, mais do que os vigias esperam pela manhã. Espera, pois, no Senhor (Andrew Murray).

Que nossas palavras possam ser iguais as do verso 5: “Aguardo o SENHOR, a minha alma o aguarda; eu espero na sua palavra”. 

Que nossa alma anseie pela presença do Senhor. Como diz o comentário da Bíblia Tradição Reformada: 

Aflição e culpa podem, de fato, abater as pessoas, mas mesmo nas piores profundezas os pecadores não devem se entregar ao desespero. Eles devem orar com grande seriedade ao único que pode redimi-los. O grande meio pelo qual Deus salva o pecador culpado é a redenção em Jesus. 

Cristo morreu em nosso lugar. Satisfez a justiça de Deus. Ele é o nosso mediador.

Jesus transforma nossas trevas em luz.

Comentários