Apodrecer antes de amadurecer



“Conheço as tuas obras, que tens nome de que vives e estás morto”
Apocalipse 3.1. 

Há algumas expressões que ouvimos ao longo da vida que às vezes nos parece sem sentido, um despropósito. Dias atrás em uma conversa ouvi umas dessas frases: Apodreceu antes mesmo de amadurecer. A minha primeira reação foi a de espanto e recriminação pela construção da ortográfica, mas depois de “ruminar” sobre ela, percebi em sua expressão uma verdade que a própria Bíblia ensina.

Ao ler sobre a igreja em Sardes (Ap 3) João descreve este triste fato de uma comunidade que deveria ser fonte de crescimento e vida, mostrou-se doente, vivendo com máscaras, de fachada e de aparências. E antes mesmo desta igreja atingir a maturidade em Cristo (Ef 4.13-14) já dava sinais de podridão, já cheirava mal.


Semelhantemente o apóstolo Paulo, quando escreveu à igreja em Corinto (2Co 13.5), revelou este triste momento em que aqueles irmãos caminhavam para a morte sem mesmo conseguirem vivenciar as fases do crescimento – amadurecimento.

Paulo propõe aos irmãos e irmãs fazerem um check-up (exame) e mudarem os hábitos (provar) para interromper este processo de deterioração (reprovado) da nossa jornada espiritual (fé). Paulo esperava e orava para que a obra que Deus iniciou pudesse ser completada até ao Dia de Cristo Jesus (Fp 1.6).

Retornando a Sardes, João é claro ao propor, não só a eles, mas a nós também, que deveriam ser VIGILANTES e reavivar, consolidar o que estava para morrer (Ap 3.2), que deveriam LEMBRAR e GUARDAR o que lhe fora ensinado, e assim o verdadeiro ARREPENDIMENTO fosse manifestado e voltassem ao caminho do crescimento e amadurecimento. Realidade essa que nasce em/de Deus e no Seu tempo.

Que tenhamos ouvidos que ouçam o Espírito Santo (Ap 3.6) a nos ensinar e revitalizar tornando-nos frutos lindos a serem colhidos e saboreados pelo Senhor da Sara. Pr Gilberto Bueno de Castro Filho.

-----------------------------------------
Gilberto Bueno Filho, é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil. Formado em Teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul em 2001. Pós-Graduação em Ética, Cidadania e Subjetividade pela Escola Superior de Teologia em 2007. É fundador e editor do blog familiafariabueno.
Tecnologia do Blogger.