Movidos por esperança


Mas agora, Senhor, que hei de esperar? Minha esperança está em ti (Sl 39.7).

O combustível da vida é nossa esperança eterna. É nossa confiança no sacrifício de Jesus. É crer que Jesus ressuscitou e que também iremos ressuscitar. Portanto, vivamos movidos por esta esperança: 

Com confiança - “Bendito o homem que confia no SENHOR e cuja esperança é o SENHOR” (Jr 17.7). 

Com abundância - “Na esperança da vida eterna...” (Tt 1.2).

Em exclusividade - “E eu, Senhor, que espero? Tu és a minha esperança” (Sl 39.7). 

Em tranquilidade - “Somente em Deus, ó minha alma, espera silenciosa, porque dele vem a minha esperança” (Sl 62.5). 

Em felicidade - “Bem-aventurado aquele que tem o Deus de Jacó por seu auxílio, cuja esperança está no SENHOR, seu Deus” (Sl 146.5).

No Salmo 40 Davi demonstra muito bem o que é viver por esperança. Ele diz que esperou confiantemente. Manteve a confiança enquanto esperava. 

Deus pode socorrer-nos mais devagar do que imaginamos, mas no tempo oportuno nosso livramento virá. Davi diz que Deus o tirou de abismos profundos. 

Deus nos livra de águas violentas e de calamidades. Ele nos alcança no mais profundo poço de lama e coloca nossos pés sobre uma rocha. 

Davi diz que Deus pôs em seus lábios um novo cântico. Podemos pensar que não há mais motivos para sorrir e cantar, mas Deus coloca um novo cântico em nossos lábios. 

Abre a nossa boca em gratidão e proclamamos as suas maravilhas a outras pessoas. “Muitos verão essas coisas, temerão e confiarão no Senhor” (Sl 40.3b).

“Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua muita misericórdia, nos regenerou para uma viva esperança, mediante a ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, para uma herança incorruptível, sem mácula, imarcescível, reservada nos céus para vós outros que sois guardados pelo poder de Deus, mediante a fé, para a salvação preparada para revelar-se no último tempo” (1Pe 1.3-9). 

Estejamos sempre abastecidos de esperança. Esperança temos em Jesus.

Por Hebert Gonçalves

Comentários