É hora de recomeçar



Aumenta a minha grandeza, conforta-me novamente (SI 71.21). 

É muito comum acharmos que temos obrigação de acertar da primeira vez. Não temos. 

“Há muito tempo, quando ainda era um bebê, você tentou levantar para dar o primeiro passo da sua vida e caiu. Não havia nada de errado com você. Cair é o esperado, o normal. Por que, então, você acha que não deveria cair em outras áreas da vida, ao dar os primeiros passos? 

Você não tem obrigação de acertar da primeira vez. Você tem obrigação de não desistir nas primeiras quedas, porque elas virão. 

Você errará quando começar qualquer coisa. Você falhará - não importa sua idade, experiência, inteligência ou saúde - sempre que começar algo novo, algo inesperado, algo diferente, algo que valha a pena. 

Seja em projetos novos, seja em relacionamentos românticos, seja em sonhos profissionais ou em qualquer coisa na qual você esteja dando os primeiros passos, se você acertar da primeira vez, é porque errou em algum lugar” (Autor Desconhecido). 

Saber que somos limitados, que falhamos, é sempre importante como fonte de motivação para não desistirmos daquilo que é uma tarefa importante. Não podemos desistir no primeiro tropeção, principalmente diante de uma responsabilidade como cristão. 

Muitos na vida, quando se trata de sua carreira profissional, são persistentes e alcançam eficiência. Não desistem dos estudos, de procurar um melhor trabalho, depois de muito esforço, erros e acertos, se tornam bons naquilo que fazem.

Mas quando são desafiados a fazer algo para servir no reino de Deus são tímidos, envergonhados e desistem nas primeiras tentativas frustradas. Considere sempre que as primeiras tentativas provavelmente falharão, mas você não pode desistir.

Devemos fazer como qualquer bebê faria: tentar outra vez. No lugar de desistir, devemos aceitar o convite de Jesus que disse: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei” (Mt 11.28). 

Aprenda a andar com Jesus. 

Comentários