Hino 175 - O servo do Senhor



1. Quão bem-aventurado o servo do Senhor 
Que não faz aliança com o desprezador!

2. Jamais o mau caminho dos ímpios quer seguir,
Nem por seu vil conselho se deixa seduzir.

3. Mas sumo regozijo em Deus alcançará
E em sua lei divina, feliz, meditará.

4. Bem como a linda planta ele há de florescer
E junto às águas vivas, viçoso, irá crescer.

5. Em toda a sua vida os frutos brotarão
E em tudo que ele intente vitórias surgirão.

6. Mas, doutra sorte, os ímpios não podem prosperar
E suas esperanças na morte irão findar.

7. Mui breve nós veremos Jesus do céu descer
E sua igreja inteira na glória receber.

8. Então, os que desprezam o grande Salvador
Perecerão malditos diante do Senhor.


Informações
Letra: Salmo 1
Métrica: Sarah Poulton Kalley, 1865
Música: Ludwig Van Beethoven, 1770-1827

História
Beethoven é, sem dúvida, o compositor sobre quem mais se escreveu e se escreve ainda, não só pela sua obra portentosa, cada dia mais conhecida e apreciada, mas pela sua vida estranha e complicada, por isso fascinante.

Estão aí suas cartas e o célebre "Testamento de Heiligenstadt", de 1802, que atestam seus problemas, suas paixões e sua crença na humanidade.

Compondo sinfonias, concertos, sonatas, quartetos, etc., deixou uma significativa contribuição à música sacra: o oratório " Cristo no Monte das Oliveiras", a "Missa Solemnis", a "Missa em Dó Maior", um ciclo de canções sacras para canto e piano. Várias melodias de obras instrumentais têm sido usadas como hinos e incorporados ao repertório da igreja.
Tecnologia do Blogger.